(11) 4158-5406   (11) 98232-0183

Como identificar o alcoolismo?

10 de março de 2020

Nem sempre o alcoólatra é quem bebe demais.”O alcoólico é aquele que pretende beber um determinado tanto o até mesmo não beber, mas não consegue força para isso”.

Compulsão pela bebida é o sintoma mais evidente da doença. O alcoólico ainda pode ser identificado quando passa a deixar compromissos de trabalhos e laços afetivas em segundo plano. Também pode demora mais tempo que o normal para ficar embriagado. Com a abstinência do álcool também  pode apresentar tremores, sudorese e ansiedade anormal.

Deve se levar em conta outros fatores. A genética, quando há de casos de alcoolismo em parentes próximos, a depressão, ansiedade e problemas familiares são considerados os principais desencadeadores da doença.

Não é possível medir qual é seu peso do fator genético como risco, no entanto, muitos especialistas afirmam que ele é menos decisivo do que a personalidade e as influências do ambiente.

Em uma pesquisa feita por um psiquiatra da Unifesp, ele demonstrou que, numa pesquisa entre 100 dependentes, 77 apresentou algum histórico de ansiedade ou depressão. Geralmente o usuário procura na bebida alcoólica uma forma de se auto medicar, seja para relaxar,  ou sentir algum tipo de prazer. Não tem idade certa para se desenvolver o alcoolismo, mas é mais frequente em jovens entre 20 e 30 anos.