(11) 98232-0183  | (11) 4158-5406  
Pesquisar Clínica

Clínica Master recuperação para Dependentes Químicos

*Toxicomania; Vício – drogas; Dependência química

Toxicomania significa que o indivíduo precisa de uma droga para funcionar normalmente. A interrupção abrupta da ingestão da droga leva a sintomas de abstinência. O vício em drogas é o uso compulsivo de uma substância, apesar dos seus efeitos negativos ou perigosos.

Um indivíduo pode ser dependente físico de uma substância sem ser viciado. Por exemplo, alguns medicamentos para regular a pressão sanguínea não provocam vício, mas podem causar dependência física. Outras drogas, como a cocaína, causam vício sem levar à dependência física. A tolerância a uma droga (necessidade de aumentar a dose para manter o mesmo efeito) é geralmente parte do vício.

Causas

O abuso das drogas pode levar à dependência ou vício. O uso de drogas para aliviar a dor pode levar à dependência, embora seja raro em quem não tenha um histórico de toxicomania.

A causa exata do abuso e dependência não é conhecida. No entanto, os genes de um indivíduo, a ação da droga, pressão do grupo, estresse emocional, ansiedade, depressão e estresse ambiental podem ser fatores. A pressão do grupo pode levar ao uso ou abuso de drogas, mas pelo menos metade dos que se tornam viciados têm depressão, distúrbio de déficit de atenção, distúrbio do estresse pós-traumático, ou outro problema de saúde mental. Crianças que crescem em um ambiente em que se utiliza drogas ilícitas. Isso pode colocá-las sob maior risco de desenvolver um vício mais tarde na vida por motivos tanto ambientais como genéticos.

Pessoas com maior probabilidade de se tornarem dependentes ou abusar das drogas são aquelas que:

– Têm depressão, transtorno bipolar, distúrbios de ansiedade e esquizofrenia

– Têm acesso fácil à drogas

– Têm baixa autoestima, ou problemas com relacionamentos

– Têm um estilo de vida estressante em termos econômicos ou emocionais

– Vivem em uma cultura onde há alta aceitação social do uso de drogas

AJUDE A SALVAR UMA VIDA!

Curta nossa página e ajude a divulgar nosso trabalho.

CONTEÚDO EXCLUSIVO

Ainda não tem certeza qual a melhor atitude? Receba nosso conteúdo exclusivo.