(11) 4158-5406  
Pesquisar Clínica

Jovem que havia sido tatuado na testa é preso por furto em Mairiporã-SP

27 de março de 2018

Ruan tatuado preso em flagrante

O jovem de 18 anos, que está internado em uma clínica de reabilitação do município, foi detido em flagrante após furtar cinco frascos de desodorante

O estudante Ruan Rocha da Silva, que ficou conhecido, no ano passado, após ter a testa tatuada com os dizeres “Eu sou ladrão e vacilão”, foi preso pela polícia de Mairiporã, na região metropolitana de São Paulo, na noite deste sábado (24). O jovem de 18 anos, que está internado em uma clínica de reabilitação do município, foi detido em flagrante após furtar cinco frascos de desodorante aerossol de um mercado.

De acordo com familiares de Ruan, o rapaz atualmente está em tratamento contra o vício em drogas e teve uma recaída neste final de semana. Ainda segundo parentes, a clínica responsável pela reabilitação acompanhou o jovem na delegacia.

A Polícia Militar foi acionada pelo dono do supermercado, após perceber que o jovem tentava deixar o local com objetos escondidos debaixo da roupa. A polícia civil informou que Ruan foi liberado neste domingo (25) após pagamento de fiança no valor de mil reais e responderá pelo crime em liberdade. A família nos confirmou que ele seguirá com o tratamento.

Procurados pelam reportagem, representantes da clínica de reabilitação não quiseram se manifestar sobre o assunto.

Em junho de 2017, Ruan tentou furtar uma bicicleta no Centro de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, mas foi flagrado pelo pedreiro Ronildo Moreira de Araújo e o tatuador Maycon Wesley Carvalho. Na ocasião, o tatuador escreveu a frase “Sou ladrão e vacilão” na testa de Ruan, que era menor de idade. O pedreiro gravou a cena e o vídeo foi amplamente compartilhado nas redes sociais.

O tatuador foi condenado a três anos e quatro meses de prisão, enquanto o, que divulgou o vídeo, recebeu uma pena de três anos e onze meses pelo crime. A Justiça de São Paulo entendeu que houve lesão corporal gravíssima e constrangimento ilegal. Os dois não poderão recorrer da decisão em liberdade

Publicado em Curiosidades, Geral, Notícias por Rafael Santos
26 de fevereiro de 2018

ROUPAS

 

3-Bermudas
2-Shorts
5-Camisetas
2-Calças de moletons
2-Calças jeans
2-Blusas de frio
2-Blusas de moletons
2-Jaquetas
2-Pijamas
6-Cuecas
6-Pares de meias
1-Boné
1-Par de chinelo
2-Pares de tênis

2-Toalhas de banho
1-Toalha de rosto
1-Cobertor
1-Edredom
4-Cabides

PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL

 

2-Creme dental
2-Desodorante roll on
1-Escova dental
4-Lâmina de barbear
1-Pente ou escova
1-Sabonete
1-Shampoo
1-Condicionador

MATERIAL DE LIMPEZA PARA USO PESSOAL

 

1-Balde
1-Escova de roupas
1-(PCT)Pregador de roupas
1-Sabão em pó
1-Amaciante

ROUPAS

 

6-Baby look
6-shorts
6-Saia
3-Calças
3-Blusas de frio
2-Pares de Tênis
1-Par de Chinelo
6-Roupas Intimas
6-Pares de Meias

2-Toalhas de banho
1-Toalha de rosto
1-Cobertor
1-Edredom
4-Cabides

PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL

 

2-Creme dental
2-Desodorante roll on
1-Escova dental
4-Lâmina de barbear
1-Pente ou escova
1-Sabonete
1-Shampoo
1-Condicionador

MATERIAL DE LIMPEZA PARA USO PESSOAL

 

1-Balde
1-Escova de roupas
1-(PCT)Pregador de roupas
1-Sabão em pó
1-Amaciante

Publicado em Curiosidades, Geral por Rafael Santos
26 de fevereiro de 2018
Você já quis ajudar um dependente químico, mas não sabia como? Há muitos equívocos sobre como ajudar uma pessoa viciada em drogas. Para ajudar um dependente químico, é preciso entender que a dependência é bastante complexa.
A luta dessa pessoa contra o vício certamente será árdua, mas a sua ajuda e apoio vão contribuir positivamente. 

  APOIANDO 1) Seja o melhor ouvinte que você puder ser. Algumas amizades são breves e outras duram uma vida toda. Ajudar um amigo a vencer uma luta como a dependência química é uma maneira de fortalecer uma amizade. Com a evolução do relacionamento, você tende a se preocupar mais com a pessoa. Durante uma crise, você naturalmente quer ajudá-la.

  • Esteja presente quando ela precisar de você e ouça o que ela tem a dizer. Existem razões para que ela abuse das drogas. Escutá-las pode permitir que ela expresse pens

Publicado em Curiosidades, Geral por Rafael Santos
26 de fevereiro de 2018

Após chamar atenção no Quênia, a história de Patrick Hinga está emocionando internautas do mundo inteiro: o homem, que era morador de rua e viciado em drogas, teve a sua vida transformada após um encontro inesperado com Wanja Mwaura, uma antiga colega de escola do rapaz. Durante anos, Patrick enfrentou o vício em entorpecentes. Tudo começou quando ele foi expulso do colégio por fumar cigarros e maconha. A mãe do rapaz fez de tudo para ajudá-lo e chegou a internar o próprio filho em um hospital psiquiátrico. Ele ficou conhecido no centro médico por ter fugido e ter sido readmitido muitas vezes na instituição: “Ele reclamava muito e dizia que tudo o que eles faziam era medicá-lo e tratá-lo como um paciente psiquiátrico, mesmo ele não estando doente, e por isso ele fugia constantemente“, contou Nancy, a mãe do rapaz, segundo o Bored Panda. “Mas, quando ele estava fora do hospital, andava

Publicado em Curiosidades, Notícias por Rafael Santos
26 de fevereiro de 2018

Uma jovem arrancou os próprios olhos durante um surto psicótico , nos Estados Unidos. O caso trágico se deu na frente de uma igreja, quando Kaylee Muthart, de 20 anos, começou a ouvir vozes que lhe diziam que “só iria para o céu se sacrificasse sua visão”. foto:reprodução/Facebook   Na quinta-feira (22), a mãe da garota, Katy Tompson, falou abertamente sobre o incidente que aconteceu no dia 6 de fevereiro. À revista People , a mulher relatou que a filha arrancou os olhos depois de consumir metanfetamina. Ela afirma que o histórico de Kaylee com as drogas teve início no ano passado, quando alguém lhe deu maconha juntamente à substância que a fez alucinar. Poucos dias antes do ocorrido, a jovem que reside na Carolina do Sul com os pais e os seis irmãos disse para a mãe que se sentia preparada para começar seu tratamento em uma clínica de reabilitação. O acidente e a vida na atualidade Paroquianos da Capela do Sul e do Centro da Misericórdia contam que ouviram gritos, e que quando decidiram sair da igreja para ver o que estava acontecendo, encontraram a jovem com o globo ocular na mão De acordo com as testemunhas, ela agiu de forma agressiva e relutou para que as p

Publicado em Curiosidades, Notícias por Rafael Santos
22 de fevereiro de 2018

A Justiça de São Paulo condenou por lesão corporal gravíssima e constrangimento ilegal a dupla que tatuou “Sou ladrão e vacilão” na testa de um adolescente, em junho do ano passado, em São Bernardo. O tatuador Maycon Wesley Carvalho dos Reis recebeu uma pena de 3 anos de reclusão em regime inicial semiaberto pelo crime de lesão corporal gravíssima. Ele terá de dormir em um presídio, mas poderá sair durante o dia. Também terá de cumprir pena de quatro meses e 15 dias, também em regime inicial semiaberto, pelo crime constrangimento ilegal. Já seu vizinho, Ronildo Moreira de Araújo, que já havia sido preso por roubo, terá de cumprir uma de suas penas em regime fechado. Ele foi condenado a 3 anos e 6 meses por lesão corporal gravíssima e a 5 meses e 7 dias pelo delito de constrangimento ilegal, esta última em regime semiaberto. Inicialmente, a denúncia feita pelo Ministério Público Estadual à Justiça incluía também uma acusação de ameaça. O processo correu em sigilo, mas as condenações não citam penas para essa acusação. Ativistas de direitos hu

Publicado em Curiosidades, Geral, Notícias por Rafael Santos
21 de fevereiro de 2018

Juan, conhecido como o rapaz da tatuagem, que completou 18 anos de idade há poucos dias, concedeu uma entrevista a equipe do Domingo Espetacular no local onde está passando por um tratamento contra a dependência química. Embora o adolescente na época do episódio tenha ficado conhecido nacionalmente, ninguém até hoje tinha visto o seu rosto, mas somente a testa em destaque com “eu sou ladrão e vacilão”. A frase foi tatuada contra a sua vontade por dois homens, quando ele morava na cidade de São Bernardo

Publicado em Curiosidades, Geral, Notícias, Videos por Rafael Santos
18 de janeiro de 2018

Uma atitude com objetivo de salvar a vida de um ente querido, mas que se não for realizada com profissionalismo pode causar sérios traumas.

  A internação involuntária da dependência química e alcoolismo normalmente são vista pelas pessoas como uma agressão ao outro, uma estratégia que fere o direito de escolha de quem necessita de amparo para se libertar das drogas, mas não consegue reconhecer isso. E, por esse motivo, muitas famílias preferem não aderir a ele, mesmo tendo consciência das necessidades de seus entes queridos. Mas é necessário lançar outra visão sobre essa realidade e enxergar além da problemática referente ao direito do dependente. A Clinicas Master, equipe que administra e oferece o tratamento contra a dependência química (com internação involuntária, se necessário) e garante que essa é uma medida normal, capaz de realmente transformar

Publicado em Curiosidades, Geral, Notícias por Rafael Santos
18 de janeiro de 2018

Polícia investiga clínica para dependentes químicos sem alvará e com ‘gatos’ de luz e água em Franca

Publicado em Curiosidades, Notícias por Rafael Santos
17 de janeiro de 2018

Lei 10.216/2001 define três modalidades de internação psiquiátrica: a) internação voluntária: aquela que se dá com o consentimento do usuário; b) internação involuntária: aquela que se dá sem o consentimento do usuário e a pedido de terceiro; c) internação compulsória: aquela determinada pela Justiça.

Internação voluntária
A pessoa que solicita voluntariamente a própria internação, ou que a consente, deve assinar, no momento da admissão, uma declaração de que optou por esse regime de tratamento. O término da internação se dá por solicitação escrita do paciente ou por determinação do médico responsável. Uma internação voluntária pode, contudo, se transformar em involuntária e o paciente, então, não poderá sair do estabelecimento sem a prévia autorização.
Internação involuntária
É a que ocorre sem o consentimento do paciente e a pedido de terceiros. Geralmente, são os familiares que solicitam a internação do paciente, mas é possível que o pedido venha de outras fontes. O pedido tem que ser feito por escrito e aceito pelo médico psiquiatra.
A lei determina que, nesses casos, os respon

Publicado em Curiosidades, Geral, Notícias por Rafael Santos

AJUDE A SALVAR UMA VIDA!

Curta nossa página e ajude a divulgar nosso trabalho.

CONTEÚDO EXCLUSIVO

Ainda não tem certeza qual a melhor atitude? Receba nosso conteúdo exclusivo.